Tags

, ,

O projeto speciesLink tem por objetivo integrar a informação primária sobre biodiversidade que está disponível em museus, herbários e coleções microbiológicas, tornando-a disponível, de forma livre e aberta na Internet. Paralelamente estão sendo desenvolvidas ferramentas para análise e produção de sínteses do conhecimento.

O principal produto do projeto é o banco de dados distribuído, integrando mais do que 40 acervos de coleções biológicas. Em agosto de 2005 eram cerca de 700 mil registros on-line, disponíveis de forma aberta e livre. O projeto também estruturou um banco de dados com os principais Coletores de Plantas do Brasil (Koch, I. & Shepherd, G.J.) cuja finalidade é oferecer uma fonte de informação para projetos taxonômicos e especialmente para projetos de informatização de coleções, onde listas padronizadas de nomes de coletores são de grande utilidade. Outros produtos do projeto são:

Link do projeto: http://splink.cria.org.br/project?criaLANG=pt

As ferramentas disponíveis são:

networkManager

Gerenciador dos metadados das coleções participantes da rede speciesLink.

indicadores

São relatórios dinâmicos ou diários apresentados em formato de mapas e gráficos.

openModeller

Ferramenta open source para modelagem de distribuição espacial utilizada para prever a distribuição de espécies.

spLinker

Aplicativo que viabiliza o espelhamento dos dados das coleções biológicas participantes da rede speciesLink em servidores regionais

speciesBase

Sistema de gerenciamento de coleções desenvolvido em Microsoft® Access utilizando elementos de dados Darwin Core 2.

coletores de plantas do Brasil

O banco de dados de coletores teve como finalidade oferecer uma fonte de informação para projetos taxonômicos e de informatização de coleções. Os trabalhos foram descontinuados com o término do projeto da Fapesp, mas os resultados obtidos foram mantidos online.

dataCleaning

Essa ferramenta tem por objetivo detectar possíveis erros e facilitar o processo de padronização dos dados das coleções.

geoLoc

O objetivo dessa ferramenta é auxiliar o trabalho de coleções biológicas no georeferenciamento de seus acervos.

infoXY

Obtenha informações sobre coordenadas geográficas.

spOutlier

Esta ferramenta usa técnicas modificadas por Chapman 1999 para detectar outliers (pontos fora do padrão esperado) para os parâmetros latitude, longitude e altitude.

speciesMapper

O speciesMapper permite a visualização de coordenadas em um mapa. Para utilizá-lo, basta inserir medidas de coordenadas geográficas para visualizar o(s) ponto(s) em um mapa.

conversor

Converte diferentes tipos de representação de coordenadas geográficas e datum’s.
Anúncios